Notas soltas de História do Algarve

Algarve Antigo

Arquivo para ‘Algarve’ tag

Governo das Armas do Reino do Algarve (1831)

com 3 comentários

Governo das Armas do Reino do Algarve

Listagem dos capitães mores, sargentos mores, ajudantes, capitães, tenentes e alferes das companhias de ordenanças do Algarve, em 1 de Março de 1831. Além de nos dar conta de como as ordenanças se encontravam constituídas em 1831, interessará também como fonte para a investigação genealógica, dada a listagem dos detentores dos cargos.

Nesta data, o Algarve estava dividido em 14 Capitanias Mores, com um total de 125 Companhias de Ordenanças. A Casa do Infantado detinha uma Capitania Mor (Alcoutim), a Casa da Rainha 3 Capitanias Mores (Faro, Lagoa e Silves), sendo as restantes pertença da Coroa.
Ler o resto deste artigo »

Autor: rogerio

October 24th, 2010 at 6:37 pm

Actualizado em Algarve

Tagged with ,

Padres Curas e Coadjutores da Freguesia de Quelfes – Século XVII

sem comentários

Lista de padres curas e padres coadjutores da Igreja de São Sebastião de Quelfes, elaborada (e ainda em desenvolvimento) com base nos livros de registos paroquiais da freguesia de Quelfes, para os anos 1614-1700.

Padres Curas:

DatasNomeTituloObservações
1614-1616Sebastião Sobrinho CorreiaPadre CuraLicenciado
1616-1625Jorge PachecoPadre Cura
1625-1629?
1629-1630Diogo Fernandes FrancoPadre Cura
1630-1636Manuel FernandesPadre Cura
1637-1654Manuel da Fonseca MonizPadre Cura
1655-1665?
1666-1669João Palermo de FariaPadre Cura
1669-1676António Fernandes de AtaídePadre Cura
1676-1677João Rodrigues CerejoPadre Cura
1677Vicente LealPadre Cura Encomendado
1678-1679João do Couto RamosPadre Cura
1679-1695António Fernandes de AtaídePadre CuraEm 1695, é transferido como Padre Cura para
a recém criada freguesia de Olhão.
1695-1696Manuel Martins RolãoPadre Cura
1696Francisco RibeiroPadre Cura
1696Afonso Camacho de AragãoPadre Cura
1697-1700Francisco RibeiroPadre Cura

Padres Coadjutores:

DatasNomeTituloObservações
1614-1616?
1616Sebastião Dias FagundesPadre (Coadjutor?)Sebastian Diaz Fagundes (de nacionalidade Espanhola?).
Em 29.08.1615 lavra um registo de baptismo em Espanhol.
Faleceu em 20.02.1651 na freguesia de Moncarapacho.
1616Francisco VieiraPadre (Coadjutor?)
1616-1617Fernão VazPadre (Coadjutor?)
1618João PiresPadre (Coadjutor?)
1619-1683?
1684-1685Manuel Madeira VilelaPadre Coadjutor
1686-1688Francisco RibeiroPadre Coadjutor
1689?
1690-1693João LourençoPadre Coadjutor
1693-1694Manuel Martins RolãoPadre Coadjutor
1695-1700?

Autor: rogerio

June 18th, 2010 at 1:12 pm

Actualizado em Quelfes

Tagged with , ,

Quelfes: Rol de Crismas 1753

1 comentário

Uma das fontes documentais ainda pouco utilizadas na investigação genealógica são os róis de confessados e de crismas. Serão porventura pouco utilizados porque na maioria dos casos, estes róis, ao contrário dos livros de registos paroquiais que transitaram das paróquias para as conservatórias de registo civil e para os arquivos distritais, continuam a ser guardados nos arquivos das respectivas igrejas. Os arquivos das igrejas/paróquias não são arquivos de acesso público e como tal, acesso a estes documentos depende da autorização (e da vontade para tal) de cada pároco, o que não deixa de ser uma pena, pois estes são documentos de muito valor quer na pesquisa genealógica, quer para estudos de demografia histórica – especialmente no que diz respeito a róis de confessados, pois estes abrangiam toda a população de cada freguesia.

A crisma, sendo um sacramento que sendo feito só uma vez na vida, normalmente quando se atinge os 15 anos de idade, dá-nos apenas dados sobre uma pequena parte da população. Contudo os róis de crismas não deixam de ser documentos de muito valor, pois em certos casos, são os únicos documentos existentes para datas em que os registos paroquiais se perderam.

Ler o resto deste artigo »

Autor: rogerio

October 8th, 2009 at 4:12 pm

Actualizado em Quelfes

Tagged with , , ,